terça-feira, 15 de maio de 2007

Almoço de 20 minutos


Hoje uma colega minha, adepta de novidades convidou-me para irmos almoçar a um restaurante que abriu recentemente no Picoas Plaza em que pagamos o tempo em que demoramos a comer em vez daquilo que se come!! Sim é isso mesmo...ahhhh e ainda não tivemos que esperar para ser servidas e nem esperar pela conta!

Para estranho? Certamente pensam que comemos à pressa, mas não. Pois os tempo que se perde num restaurante não tem nada a ver com o tempo que se gasta em si a comer. Este restaurante, “Basil Instinct" (http://www.basilinstinct.com/), é dirigido às necessidades de quem trabalha: comer bem, rapidez no serviço e em ambiente simpático.

Para que tudo isto funcione sem stress para os clientes, é nos dado um cartão personalizado pré-recarragavel que controla a entrada e saída de cada pessoa, depois cada um serve-se de um buffet em que come aquilo que quiser e as vezes que apetecer.

Os preços variam pelo tempo em que é demorada a refeição, assim por 20 minutos (tempo mínimo) custa 5,90€, por 30 minutos 6,60€ e 1hora 7,50€. Por cada minuto extra acrescenta 1€.

Eu gostei do espaço, é moderno e tem ambiente acolhedor, em relação à refeição o buffet tem muita variedade e achei a comida saborosa. No entanto esta nova forma de comer é um pouco estranha, porque temos sempre tendência de comer à pressa, mesmo ao saber que vamos pagar aquele valor, olhamos muitas vezes para o relógio e as pessoas parece que em vez de tomarem uma refeição tranquila, estão mais agitadas.

Provavelmente digo isto porque é um conceito novo na restauração e ainda não me habituei. E vocês que acham disto?

16 comentários:

Alma Minha disse...

Primeiro que tudo, obrigada pelas palavras na minh casinha!

Em resposta ao teu post anterior, ADORO DORMIR!!!

Quanto a este... é complicado pagar pelo tempo que se demora a comer... sou uma "mole" a comer!

Beijos

Sol disse...

SportingCP
Bem esse almoço deve ser bem bom ... já sabes que para mim isso era muito bom, já que sou uma maquina a comer depressa ...

Mas mesmo assim, como ficava o tempo da conversa? Era pago?

A modernidade paga-se, agora até tempo de comer, qualquer dia até o ar que respiramos pagamos.

Beijos

Corduroy disse...

Se de facto quem quer comer, pagar e bazar o conceito é muito bom e adequado.
Nas grande cidades onde o stress está em todas as esquinas e onde o tempo é dinheiro acho que um restaurante desse género dá uma certa ajuda, principalmente para quem gosta de comer bem e não é adepto da fast food.

kiss

Mo disse...

um stress :-) prefiro vir correr a casa comer e ir a correr para o trabalho :-))))sorte hem????

Canochinha disse...

Acho um conceito engraçado. Mas é um bocado chato ter de comer a olhar sempre para o relógio...
Contudo, acho que um dia passo por lá para experimentar:)

Bia disse...

Isso para mim não dava, demoro imenso tempo a comer!! Uma pessoa até pode ter uma congestão!

LFM disse...

Obrigado pela sugestão

SC disse...

Nada como colocar o despertador (do telemóvel, por exemplo) para alertar quando faltarem poucos minutos para a "mudança de escalão"!
Não sei se gosto do conceito... hábitos!

Menina da Lua disse...

Pois não sei se gosto do conceito! E logo eu que adoro almoçaradas longgggasssss! :) Mas a modernidade tem realmente coisas engraçadas, depois da comida ao peso...só os brasileiros! Beijoca

Cristina disse...

Um restaurante bem á americana
:)
beijinhu

Cristina disse...

O conceito de comermos regulados pelo tempo é uma coisa meio incomoda,mas podermos repetir o prato quantas vezes quisermos,parece-me bem. Pelo menos é diferente de 'O Peso' em que se paga mais o peso do prato do que o que realmente levamos de comida.


Obrigada pela visita ao meu blog,volta sempre!

Miss Alcor disse...

Bem, mas o conceito é fantástico, e os preços nem são assim tão maus!
Gostei da ideia! Embora tenha de admitir que se realmente lá fosse, ia comer à pressa...

Paulo disse...

É uma completa novidade para mim. Realmente inventa-se tudo. O que é preciso é imaginação.

Não está nada mal pensado, não senhor. Eu que costumo comer depressa e bem... faz sentido.

Noquinhas disse...

Nunca tinha ouvido de tal conceito. Acho realmente que é uma ideia engraçada mas sobretudo para almoços de trabalho porque se realmente quiseres relaxar acho impossível porque passas a vida a olhar para o relógio. Ainda não viste pessoas lá com um despertador. :)

Jinhos

nathalia disse...

Onde é que fica esse restaurante? hehehe. Eu como rápido, por isso até ficava em conta! :o)

Lua disse...

Natalia o restaurante fica no Picoas Plaza!